16out

Minipilula: vantagens, desvantagens e eficácia

16 de outubro de 2011

Vantagens
É um método relativamente barato e acessível, com eficácia interessante, principalmente durante a amamentação. Seu uso não depende do médico, nem do farmacêutico, para sua aplicação. Também não depende do parceiro, como a camisinha e os métodos de abstinência periódica. Não interfere com a amamentação, nem com a qualidade do leite, e não parece interferir com o desenvolvimento do recém-nascido. Uma vez interrompendo o uso, o retorno à fertilidade é quase imediato, pois não havia interferência com a ovulação.

Desvantagens
Como não inibe a ovulação, tem uma eficácia menor do que a pílula. Também eleva o risco para gravidez ectópica. Não evita as doenças sexualmente transmissíveis. Depende da lembrança da mulher para sua eficácia, sendo a falha muito vista quando há o esquecimento de um dia.

Eficácia
A falha varia entre 1 e 5 %. Parece que a Minipílula de Desogestrel teria uma eficácia um pouco maior.

Compartilhe:

Comentários

  1. Marina disse:

    Uso o anticoncepcional Yaz há 7 meses, e para controlar o dia da menstruação, deixei de tomar o ultimo comprimido da cartela. Fiz a pausa de quatro dias e retomei a rotina. O efeito foi interrompido?

Deixe o seu comentário!

ANÚNCIO

FACEBOOK

INSTAGRAM

TWITTER

CATEGORIAS

INSCREVA-SE EM NOSSA NEWSLETTER

Inscreva-se e receba atualizações e não perder as novidades!