09mai

Tipos de Contraceptivos: Da Primeira à Terceira Geração

09 de maio de 2012

A grande maioria das pílulas é constituída a partir de dois hormônios femininos sintéticos: etinilestradinol (estrógeno) e progestágenos (progesterona). As primeiras gerações de pílulas com o etinilestradiol, que se mantém até hoje na composição dos contraceptivos, apresentavam no início altos conteúdos do princípio ativo, cerca de 100mcg, posteriormente passaram a 50mcg e na atualidade, estão no patamar de 20 mcg. Todavia – o que significou ultimamente uma evolução expressiva da terceira geração de contraceptivos hormonais – são os progestágenos que tem determinado menos efeitos colaterais, segundo registro da Organização Mundial de Saúde/OMS.

 

Além dos Contraceptivos Orais Combinados de Baixa Dosagem – COCs – (Etinilestradiol) de larga utilização, há as pílulas contraceptivas de emergência (ECPs) que devem ser tomadas até 72 horas a contar da relação desprotegida para evitar a gestação; apresentando uma considerável diminuição do efeito contraceptivo se tomada após esse prazo. Administrada em duas doses, ela pode ser tomada em qualquer momento durante o ciclo menstrual. Esse tipo de pílula está no mercado desde julho de 1999, quando foi lançada no VI Congresso de Ginecologia e Obstetrícia do Sudeste/Febrasgo.

 

Outra modalidade de pílula é a dos contraceptivos injetáveis combinados (CICs). Eles inibem a ovulação através da liberação de estrogênio “natural” (estradiol) mais progestogênio e permanecem no corpo de 8 a 11 dias, apresentando concentração semelhante as dos níveis do ciclo menstrual normal. Segundo o documento Critérios de Elegibilidade Médica para Uso de Contraceptivos publicado pela OMS ainda não há dados epidemiológicos sobre efeitos a longo prazo, mas estudos de curto prazo demonstram pouco efeito dos CICs sobre a pressão arterial, coagulação, metabolismo lipídico e função hepática. Além disso, a administração parenteral (injetável) elimina o efeito de primeira passagem de hormônios pelo fígado.

 

Estão, também, sendo utilizados modernamente os POCs -Contraceptivo com Progestogênio Apenas -, pílulas contraceptivas de baixa dosagem cuja função ativa, como diz o nome, é baseada em progestênicos.

Compartilhe:

Comentários

Deixe o seu comentário!

ANÚNCIO

FACEBOOK

INSTAGRAM

TWITTER

CATEGORIAS

INSCREVA-SE EM NOSSA NEWSLETTER

Inscreva-se e receba atualizações e não perder as novidades!